Compartilhe

Seminovos são opção de três a cada quatro consorciados

Os automóveis seminovos e usados continuam sendo a preferência dos consorciados contemplados do segmento de veículos leves. A cada quatro automóveis adquiridos por meio do consórcio no primeiro quadrimestre do ano, três foram seminovos. Se comparado a 2011, a escolha pelos seminovos cresceu 25,4 pontos percentuais.

O brasileiro está optando cada vez mais pelo carro seminovo ou usado. Segundo a Fenauto, de janeiro a abril deste ano as vendas desses veículos cresceram 5,1% quando comparado ao mesmo período de 2017. Se consideradas as vendas apenas em abril, o crescimento foi de 16,8%. Já na comparação de abril com março deste ano, o aumento foi de 4,4%.

De acordo com a B3, 75,2% dos veículos comprados, de janeiro a abril, por consorciados contemplados foram seminovos ou usados. Ou seja, três a cada quatro. Em 2011, foram 49,8%, o que representa aumento de 25,4 pontos percentuais. Consequentemente, a venda de veículos novos caiu de 50,2% para 24,8%.

 

No mercado das duas rodas financiadas, 10% das motocicletas adquiridas pelos consorciados contemplados que optaram por usar o crédito de janeiro a abril foram seminovas ou usadas. Porém, também foi registrado aumento na aquisição desse tipo de veículo em relação a 2011. Naquele ano, as motocicletas seminovas foram escolhidas por 5,1%. Já de janeiro deste ano elas foram a preferência de 10% dos contemplados, quase o dobro. 

Participação de mercado do consórcio

Em oito anos, o interesse do consumidor em adquirir veículos, tanto novos quanto seminovos, por meio do consórcio cresceu, fato que pode ser comprovado pelo aumento da participação dos consórcios neste mercado.

A participação na compra de automóveis seminovos e usados quase triplicou de 2011 até abril de 2018, passando de 3,68% para 9,92% alta de 6,24 pontos percentuais. A participação dos consórcios na compra de automóveis ‘zero km’ no período também subiu. Passou de 5,94% para 8, 47% , crescimento de 2,53 pontos percentuais.

 O mesmo desempenho positivo foi registrado no mercado de motocicletas e motonetas seminovas e novas. Na compra de seminovas, em 2011, a participação do consórcio era de 12,45%. Enquanto isso, até abril deste ano, pontuou 19,74%, um aumento de 7,29 pontos percentuais. Já motos ‘zero’ em 2011 foram adquiridas 29,96% dos contemplados, enquanto até abril chegou a 39,71%, alta de 9,75 pontos.

Benefícios do consórcio

Paulo Roberto Rossi, presidente executivo da ABAC explica que uma das principais características do sistema é a liberdade de escolha que o consorciado tem ao ser contemplado. “O consorciado contemplado tem a possibilidade de adquirir o veículo desejado inicialmente ou dar preferência a outro modelo e até mesmo a um seminovo mais equipado, se constar em seu contrato de adesão”.

Nos consórcios, também há outras vantagens, como prazos maiores, parcelas acessíveis e a utilização de até 10% do crédito para custeio de tributos, transferências, documentação e seguro. “Além disso, um consorciado contemplado tem poder de comprar à vista, semelhante àquele que tem dinheiro no bolso, o que possibilita barganhar descontos e benefícios”, completa Rossi.

Fonte: ABAC/ Jun 2018.

Nosso post sobre “Seminovos são opção de três a cada quatro consorciados”  lhe foi útil? Então, curta nossa página e compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas fiquem informadas e até a próxima!

Conheça as nossas redes sociais: